05-03-2015

Três personalidades do design nacional – Daciano da Costa, Sebastião Rodrigues e Pádua Ramos (na imagem à esquerda) – dão nome aos prémios hoje oficialmente lançados no âmbito do Ano do Design Português. A iniciativa, que terá um caráter anual, pretende “estimular a produção de design de qualidade e o investimento em inovação e investigação nesta área, bem como reconhecer e divulgar os melhores projetos de design de comunicação, de produto e de interiores, como fator de inovação, de competitividade e de cultura, sensibilizando o público para a relevância das obras de design de autores portugueses”.
Os prémios destinam-se especificamente a designers profissionais de nacionalidade portuguesa, que desenvolvam trabalho em Portugal ou no estrangeiro, e a estudantes portugueses finalistas de design ou recém-formados, desde que tenham concluído o grau após o ano de 2010. A cada prémio instituído será atribuído um montante global de 7.500 euros. Deste valor, 5.000 euros destinam-se à modalidade de designers profissionais; 2.500 euros à modalidade de designers finalistas ou recém-formados. Além dos prémios, o júri pode ainda atribuir menções especiais.
Em Setembro de 2015 será organizada uma exposição das obras dos designers nomeados e finalistas, por cada prémio instituído.
As candidaturas deverão ser apresentadas até 31 de Maio de 2015, através do envio de curriculum vitae para o e-mail premios@designportugues.pt (até ao limite de 5MB), onde deverão constar todos os dados de identificação e de contacto (nome completo, morada, email, telefone, BI/CC, NIF), portfólio de trabalhos e memória descritiva de um projeto, evidenciando a ligação ao prémio a que se reporta a candidatura.
Todas as informações sobre os prémios e respetivos regulamentos poderão ser consultadas em www.designportugues.pt e em www.dgartes.pt.
Refira-se que o Ano do Design Português 2014/15 é uma iniciativa conjunta da Secretaria de Estado da Cultura e do Ministério da Economia. Teve início em 30 de Maio de 2014, encerrando a 30 de Setembro de 2015. Como legado ficam, pois, os três prémios, entre outras iniciativas, como é o caso do Diretório do Design Português, disponível online
 
Prémio Sebastião Rodrigues – Design de Comunicação
Este prémio, lê-se no site do Ano Português do Design, “inspira-se no trabalho e papel de Sebastião Rodrigues (1929-1997), incontornável referência no campo do design gráfico, premiado com o Award of Excellence da ICOGRADA (1991) pela sua obra multifacetada e inovadora, não só ao nível do design editorial, cartaz, publicidade e identidade visual, mas igualmente na valorização da investigação, do método e do pensamento crítico em design”.
Fazendo honra a Sebastião Rodrigues, este prémio “assinala a importância do design de comunicação nacional nas suas diversas áreas e formas de aplicação”.

Prémio Daciano da Costa – Design de Produto
“A grande referência no campo do design de produto nacional”, Daciano da Costa (1930-2005) – autor de uma obra diversificada, orientada por uma procura de design total” – distinguiu-se como designer industrial, arquiteto, empresário e professor de design. De herança deixou-nos “uma compreensão do projecto mais integradora e exigente”.
O galardão procura reconhecer o design de produto nacional “nas suas diversas áreas”.

Prémio Pádua Ramos – Design de Interiores
Pádua Ramos (1931-2005), uma “figura marcante no campo do design de interiores, quer através do seu trabalho individual de designer e arquitecto, quer da obra desenvolvida no contexto do atelierGALP – Gabinete de Arquitectura e Urbanismo”, deixou a sua influente herança também como professor e coleccionador. Entre outros galardões, recebeu em 1990 o European Community Design Prize (1990).
O presente prémio pretende, pois, reconhecer “a qualidade do design de interiores nacional nas suas diversas áreas e tipologias”.
OUTRAS NOTÍCIAS
MAIS NOTÍCIAS  1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16